Como fazer um bonsai em 12 passos

A beleza de um bonsai é indiscutível. Mas será que é possível se arriscar e fazer um em casa? O Jardim do Mundo encontrou uma matéria bem legal pra quem quer se aventurar. Vem ver:

Fazer um bonsai normalmente parece uma tarefa complexa, repleta de regras rígidas, que exige empenho em tempo integral do seu dono, mas isso não é verdade.

Fazer e cuidar de um bonsai requer paciência. Entretanto, seu cultivo é considerado uma terapia, reduzindo o stress do dia a dia. Devemos manipular a planta em alguns aspectos, desviando-a do seu curso natural, mantendo-a sempre pequena e proporcional.

Neste artigo, você verá os principais aspectos da criação e manutenção de bonsais, capacitando-o a iniciar o seu próprio cultivo. Aproveite!

Como fazer um bonsai em 12 passos

Certifique-se que todo o material para fazer o bonsai esteja em mãos:
1 – Planta
2 – Vaso de cerâmica para bonsai
3 – Substrato
4 – Tela de drenagem
5 – Arame
6 – Hashi
7 – Raque
8 – Tesoura para poda
9 – Enraizador – hormônio para estimular o crescimento de raízes
DICA: Faça o transplante em um local com sombra e protegido do vento.

1º Passo:

Colocando a tela de drenagem
Os vasos de bonsai possuem um ou mais buracos no fundo para permitir a passagem da água excedente da rega. Você deve cobri-los com uma tela de drenagem para impedir que o substrato acabe também saíndo.

2º Passo:

Colocando  o arame de fixação
Passe o arame pelos buracos de dreno do vaso de forma que saiam para fora do vaso como na imagem. O arame deve ser suficientemente longo para posteriormente você amarrar o bonsai no vaso.


3º Passo:

Colocando o substrato
Coloque uma pequena quantidade de substrato no fundo do vaso para acomodar as raízes.

4º Passo:

Preparando a planta (pré-bonsai)
Com o auxílio da espátula do raque afrouxe a terra nas laterais, dentro do pote plástico. Não forçe para evitar danificar as raízes. Depois, vire a planta para baixo e a retire com cuidado.

5º Passo:

Podando as raízes
Retire cuidadosamente a terra que envolve as raízes, fazendo movimentos leves com o raque da base do tronco para a parte de baixo do torrão.

Devemos tirar 1/3 da terra e raízes e deixa-las visíveis para a sua poda. Lembre-se que as raízes finas são responsáveis pela alimentação da planta e as grossas pela sua sustentação.

6º Passo:

Colocando a planta no vaso
Faça leves movimentos circulares para a esquerda e direita para espalhar e acomodar as raízes no fundo do vaso.

7º Passo:

Colocando o substrato
Com a planta dentro do vaso, coloque o substrato até preencher todo o vaso, cobrindo todas as raízes finas. Depois, fixe o tronco utilizando os arames de fixação.

8º Passo:

Acomodando o substrato
Faça uma compactação do substrato. Isto serve para que o solo penetre entre as raízes. Para esse processo utilizamos o hashi.

9º Passo:

Fixando a planta
Depois de colocado o substrato, fixe a planta no vaso utilizando os arames de fixação para que esta não fique solta. Isto ajuda na recuperação das raízes.

10º Passo:

Preparando o enraizador
Em uma bacia vamos acrescentar 2 litros de água e 1 tampinha e meia do enraizador para ajudar na recuperação e crescimento das raízes.

11º Passo:

Imersão do bonsai no enraizador
Com o enraizador já dissolvido, imergimos lentamente o bonsai completamente dentro da bacia com água para que o substrato não saia do vaso.

Você verá bolhas de ar saindo do substrato, isso é normal, é a água ocupando o lugar do ar existente dentro do substrato. Deixar imersa por 15 minutos.

12º Passo:

Limpeza e Hidratação
Depois da imersão, retire o vaso da bacia e deixe escorrer a água do vaso. Em seguida borrife água na parte aérea da planta, limpe o vaso e retire o excesso de substrato.

Pronto, agora você já sabe como fazer o seu bonsai!

Orientações importantes após realizar o transplante:

• Manter o bonsai em repouso durante 30 dias.
• Colocar em um local que tenha sombra.
• Proteger do vento.
• Borrifar as folhas do bonsai durante este período para que estas não se desidratem.
• Realizar a rega normalmente, tomando cuidado para regar somente quando o substrato estiver secando.
• Regar com o enraizador uma vez por semana durante o primeiro mês.
• Não adubar durante os 30 primeiros dias após o transplante. A adubação deve ser feita apenas quando o bonsai rebrotar.
Com dedicação e os cuidados necessários, seu bonsai irá crescer saudável e terás a natureza em miniatura bem próximo de você.

Fonte e fotos: Ideal Bonsai.
Publicado em Jardim do Mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.