Como os micro-organismos ajudam na produção orgânica

Todo ecossistema necessita do equilíbrio entre os seres. De acordo com o Especialista em Agricultura Orgânica Thiago Tadeu Campos, na agricultura, seja ela orgânica ou convencional, essa necessidade não é diferente, por isso é tão importante falar sobre os micro-organismos que compõem o solo.

A saúde do solo, essencial para um bom cultivo, depende diretamente da quantidade de micro-organismos ali presentes. É através desses pequenos seres vivos que a terra ganha suas propriedades produtoras, deixando de ser um composto de rocha para se tornar o solo fértil que poderá ser utilizado.

Qualidade do Solo

Os micro-organismos sempre estiveram presentes e são, em sua maioria, seres que vivem em contato direto com a terra e que, por fazerem daquele ambiente seu habitat, acabam influenciando de maneira positiva na qualidade do solo daquele espaço.

Os diferentes tipos de micro-organismos no solo

Os micro-organismos podem ser divididos entre diversos seres vivos, desde bactérias e fungos, até algas. Cada solo possui suas principais características e a forte presença dos microrganismos faz com que o uso de produtos químicos seja facilmente dispensável, uma vez que o equilíbrio do solo é atingido de forma natural.

Fixação de micro-organismos no solo

Alguns micro-organismos auxiliam na prevenção de pragas e doenças, como é o caso do Azotobacter,  que age como um antibiótico orgânico, protegendo as plantas de fungos prejudiciais. Já outros micro-organismos têm como função melhorar a fixação de micronutrientes no solo, em especial o Zinco, tanto o Bacillus subtilis como o Thiobacillus thioxidans são ótimos biofertilizantes, protegendo as plantas e mantendo a saúde do solo.

Flora equilibrada

Cada micro-organismo tem uma função específica no solo, logo, as ausências podem causar graves deficiências no cultivo. Sendo assim, é importante observar constantemente as plantações para ter certeza de que sua flora microbiana está devidamente equilibrada. Quanto mais abundante e diversificada for a flora microbiana, melhor será a qualidade do solo.

Qual é a função dos micro-organismos?

Em geral, os micro-organismos são os seres que dão vida ao solo, realizando decomposições de matéria orgânica e transformando essa matéria em compostos inorgânicos, que poderão ser utilizados pelas plantas. Além disso, os microrganismos também agem como biofertilizantes, auxiliando na adubação orgânica e dispensando o uso de defensivos químicos.

Planta saudável

A presença de micro-organismos no solo proporciona uma maior saúde às plantas ali cultivadas e também garante a manutenção constante dos nutrientes, uma vez que, o desgaste do solo é inevitável devido à utilização agrícola, mesmo sendo feita de forma consciente e orgânica.

Vantagens para o produtor orgânico

Os micro-organismos oferecem diversas vantagens para o produtor orgânico urbano e rural. A presença de uma flora microbiana no solo previne o aumento de fungos prejudiciais e também garante o fornecimento de antibióticos orgânicos ao solo. Na produção de húmus, os micro-organismos são responsáveis por realizar parte da compostagem e principalmente, por eliminar o forte odor dos materiais orgânicos.

Capacidade fotossintética das plantas

Os micro-organismos aumentam a capacidade fotossintética das plantas, funcionando como adubo orgânico para a plantação e ajudando a decompor as matérias orgânicas depositadas na camada superior do solo.

Micro-organismos e a agricultura orgânica

Na plantação orgânica a presença dos microrganismos é essencial, pois propiciam um equilíbrio de forma natural ao solo, sem a intervenção humana. Sua existência é fundamental para que a produção orgânica cresça com saúde, da mesma forma que a presença de micro-organismos é fundamental para que um floresta tenha árvores fortes e saudáveis.

Publicado em CicloVivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.