O que são serviços ecossistêmicos?

Quando se fala na importância da intervenção humana para resolução dos problemas do planeta, diversas iniciativas são pensadas como parte de um “grande projeto” para promover um futuro mais sustentável. Nesse contexto, o uso de novas estratégias e ferramentas para controle e gerenciamento de recursos naturais se tornam imprescindíveis.

Simultaneamente, o ciclo natural do meio ambiente é também um dos principais responsáveis por fazer com que essa cadeia aconteça de maneira saudável, através da manutenção e regeneração de seus ecossistemas. Justamente por isso, os serviços ecossistêmicos devem ser apontados como uma ferramenta fundamental na efetivação dos resultados deste processo.

Logo, quando se pergunta o que são serviços ecossistêmicos, entende-se por bens e serviços exercidos pelos próprios ecossistemas, que beneficiam o planeta – direta e indiretamente – e sua preservação.

Para se ter uma ideia da importância deste trabalho feito pela natureza, os serviços ecossistêmicos têm valor (econômico) global estimulado entre 125 e 145 trilhões de dólares por ano, que se justifica na dependência do mundo, como um todo, do bom funcionamento de seus ecossistemas.

Categorias dos serviços ecossistêmicos

Para entender sua importância para o planeta, é necessário conhecer a estrutura dos serviços ecossistêmicos, que se divide em quatro categorias (provisão, regulação, cultural e suporte), explorando setores econômicos, ecológicos e sociológicos. De modo geral, essas categorias são definidas da seguinte forma:

Serviços de provisão – correspondem a todo tipo de material (alimentos, matéria-prima para construção, água etc.) produzidos pelos ecossistemas e consumidos pelas pessoas.

Serviços de regulação – como o próprio nome já diz, estes serviços são reguladores das condições ambientais naturais. Ou seja, influenciam no equilíbrio climático, manutenção da qualidade do ar, entre outras atividades.

Serviços culturais – nesta categoria, seus principais benefícios são aproveitados de maneira indireta, pois o conceito de serviços culturais está relacionado com a ideia de espaços para recreação, turismo ecológico etc.

Serviços de suporte – não menos importante, o suporte ecossistêmico está ligado à formação de solos, produção de oxigênios, desenvolvimento de habitats, biodiversidade de espécies e outras funções.

Publicado em Pensamento Verde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.