Lixo eletrônico é transformado em moda

Em 2015, como parte do trabalho de conclusão da faculdade de Moda que cursava, a designer carioca Fernanda Nicolini, de 35 anos, precisava desenvolver um produto que fosse fashion mas ao mesmo tempo sustentável.

Foi quando teve a ideia de criar colares e pulseiras onde a matéria-prima principal era resíduos eletrônicos. De acordo com a artista, a escolha veio por conta deste tipo de material ainda ter uma reciclagem bastante precária no país. “Até existe legislação que trata de logística reversa, mas se você ligar em uma empresa, indagando como devolver um produto, ninguém sabe informar”, explicou.

Como consequência do TCC, surgiu a Odyssee, uma marca de bijuterias 100% sustentável, onde todas as peças são únicas e criadas com inúmeros produtos que iriam para o lixo, como fios, plugues, placas de circuito, cabos e flat cables.

E não é só nas peças que a sustentabilidade está presente. Para promover a economia circular, o cliente pode devolver a peça para a Odyssee e trocar por uma nova sem custo, refeita com os mesmos componentes. É possível também adquirir uma peça desenvolvida com outros materiais pagando 40% do valor.

 

Publicado em Hypeness.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.