Ubatuba passará a cobrar ‘pedágio ambiental’ de turistas

A câmara dos vereadores de Ubatuba aprovou um projeto de lei que propõe a criação de um “pedágio ambiental” para os turistas que frequentarem a cidade a partir do primeiro trimestre de 2018.

A TPA (Taxa de Preservação Ambiental) entrou em votação no dia 12 de dezembro e foi aprovada de forma unânime. O valor será cobrado por todos os veículos que passarem pelo município através das rodovias Oswaldo Cruz e Rio-Santos, que liga o litoral paulista ao Rio de Janeiro. O preço da taxa será cobrado de acordo com o perfil do veículo, variando entre 3 e 70 reais. Quem não pagar será multado em 200 reais.

Os moradores das outras cidades do litoral norte serão isentos do pagamento. Não houve qualquer informação sobre isenção para quem passar pelos trechos ubatubenses das rodovias com destino a outros lugares.

De acordo com a prefeitura, a cobrança se deve ao impacto degradante do alto número de carros que circulam pela cidade durante finais de semana e alta temporada. Quase 90% de Ubatuba está dentro da área de preservação do Parque Estadual Serra do Mar.

A administração diz que o dinheiro será investido em projetos ambientais educativos, saneamento básico e na recuperação das matas ciliares e áreas degradas.

Vale lembrar que o município paulista possui um número extenso de praias particulares e já foi a cidade com o maior número de áreas de zona azul – onde se paga para estacionar – no litoral norte. A cobrança foi revogada pela câmara em 2016.

Publicado em Hypeness.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.