Transformando uniformes velhos em cobertores para quem precisa

A FedEx Express anunciou recentemente que transformou, pelo quarto ano consecutivo, uniformes antigos em cobertores para pessoas de baixa renda. O projeto nasceu do desejo da companhia de encontrar uma maneira de fazer o descarte das peças, considerando fatores ambientais, sociais e econômicos.

Neste ano, o volume de uniformes recolhidos nas filiais foi 37% maior em comparação com o ano passado, o que permitiu à empresa aumentar o número de cobertores produzidos, totalizando 2.200 peças. Deste total, 1.700 cobertores serão doados para ONGs que atendem pessoas em situação de rua, e, dando continuidade à ação iniciada no ano passado, 500 cobertores menores serão entregues para ONGs que cuidam de animais para adoção. Cerca de 20 instituições serão beneficiadas.

Para produzir os cobertores, a FedEx contou com o apoio da Retalhar, negócio socioambiental especializado no desenvolvimento de projetos para a destinação correta de uniformes. A instituição coordenou todo o trabalho de coleta, triagem, higienização e adequação dos uniformes para transformá-los em cobertores, atividades realizadas em conjunto com a cooperativa de materiais recicláveis YouGreen.

“Criado em 2015 pela FedEx Express no Brasil, o projeto cresce ano a ano, mostrando o comprometimento da empresa com a redução de nossa pegada ambiental e aumento do impacto social nas comunidades em que estamos inseridos”, disse Américo Pereira, vice-presidente de Operações da FedEx Express no Brasil.

O programa reflete os quatro pilares de responsabilidade social da empresa: (1) Desenvolvimento Econômico: graças ao trabalho das cooperativas locais para preparar as peças que serão transformadas em cobertores; (2) Meio ambiente: por transformar um passivo ambiental em ativo social, evitando a emissão de 88,74 toneladas de CO2 no meio ambiente (valor calculado com base na produção de 5.590 cobertores, montante acumulado desde o início do programa segundo o relatório do projeto preparado pela Retalhar); (3) Pessoas: considerando os esforços voluntários de colaboradores da empresa para entregar as peças; (4) Comunidade: reforçando o compromisso da FedEx Express com as regiões onde opera.

Para produzir os cobertores foram utilizadas 2,5 toneladas de tecidos, valor 35% superior em relação a 2017, quando foram arrecadados 1,6 tonelada de tecidos e confeccionados 1.665 cobertores.

Publicado em EcoDesenvolvimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.