Brasil já conta com 7 mil empresas de energia solar e geração distribuída

A energia solar fotovoltaica vive um momento bastante particular em sua história recente no Brasil. O crescimento exponencial do setor nos últimos anos, com geração de emprego, inovação e desenvolvimento, praticamente segurou o país durante o longo período de queda da atividade econômica vivenciado pelo País de 2015 para cá.

O Brasil já soma cerca de 7 mil empresas que atuam com energia solar em especial nas áreas de equipamentos e serviços para a geração distribuída, conforme mapeamento recente do Portal Solar, maior marketplace do segmento no país. Estimativas dão conta de que as companhias empregam atualmente 20 mil profissionais, com investimentos acumulados que ultrapassam R$ 20 bilhões.

A projeção é que, até o final deste ano, o setor solar seja responsável pelo acréscimo de cerca de 12 mil novos postos de trabalho no país. No caso específico da geração distribuída, o levantamento do Portal Solar mostra que as empresas já geraram 9 mil empregos somente neste ano.

O Portal Solar possui uma média mensal de acesso de 200 mil pessoas, que movimentam cerca de R$ 20 milhões em compra e venda dos mais de 1,5 mil produtos ofertados. Dos quase 40 mil sistemas fotovoltaicos instalados até hoje nos telhados brasileiros, 16 mil projetos foram validados pelo site. Os clientes finais (consumidores) já deixaram mais de 5 mil avaliações dos serviços prestados.

Outra dado de destaque no mapeamento do Portal Solar é o perfil do consumidor. Segundo levantamento, a renda média familiar das pessoas interessadas em gerar a própria energia a partir da fonte fotovoltaica é de R$ 2.857,00 (Classe C).

A pesquisa mostra ainda que 30% dos consumidores são empresários,  25% assalariados, 22% autônomos ou profissionais liberais, 16% funcionários públicos e 8% aposentados ou pensionistas. Do total, 75% dos sistemas estão em residências. Apenas 25% foram instalados em comércios e indústrias.

No ranking dos estados, os consumidores de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais lideram o nível de interesse por geradores solares. Do total de procura no Portal Solar, os paulistas representam 23,23%, seguido pelos mineiros, com 11,83%, e fluminenses, com 11,13%.

Publicado em Portal Solar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.